|
Número de visitas ao Portal da Transparência aumenta 13% em 2017; salário de servidores é o assunto mais buscado
04/01/2018
Número de visitas ao Portal da Transparência vem aumentando ano a ano, tendo crescido 12% em 2016 em relação a 2015; criado em 2011, o Portal ficou em primeiro lugar no Índice de Transparência da entidade Contas Abertas nos anos de 2010 e 2012

O número de visitas ao Portal da Transparência Estadual (http://www.transparencia.sp.gov.br/), que disponibiliza ao cidadão tudo sobre contratos, remuneração de agentes públicos, receitas e despesas, cresceu 13% em 2017, em comparação com o ano anterior. Foram 1.474.766 visitas, contra 1.303.640  registradas em 2016. Os dados são da Ouvidoria Geral do Estado de São Paulo (OGE), responsável pela administração do Portal. O item mais buscado é a remuneração de servidores públicos.

“Governo aberto e participativo presta contas pela internet, permitindo controle social e amplo conhecimento da utilização dos recursos públicos”, destaca Gustavo Ungaro, ouvidor geral do Estado.

Em 2017 o Portal da Transparência foi totalmente remodelado e relançado no dia 1º de agosto. As mudanças ampliaram ainda mais a política de transparência do Estado de São Paulo e agregaram informações ao Portal da Transparência, considerado um dos melhores do Brasil pelo Índice de Transparência da entidade Contas Abertas e pelo Ranking de Transparência do Ministério Público Federal. Entre as novidades estão a reunião, em um só lugar, dos mais de 40 aplicativos do Governo do Estado – Poupatempo, Acessa SP, Detran, Metrô, CPTM etc. – e mapas georreferenciados que permitem o cruzamento de dados. Os diversos canais de comunicação com o cidadão também estão centralizados na primeira página.

O Portal da Transparência - O número de visitas ao Portal da Transparência vem aumentando ano a ano, tendo crescido 12% em 2016 em relação a 2015. Criado em 2011, o Portal ficou em primeiro lugar no Índice de Transparência da entidade Contas Abertas nos anos de 2010 e 2012, e em terceiro lugar em 2014. Também conquistou o primeiro lugar nas três edições da Escala Brasil Transparente, realizada pelo Ministério da Transparência e Controladoria Geral da União.